Falha em agir no clima é maior risco para a humanidade, diz Davos

O risco mais imediato pairando sobre a humanidade em nos próximos dez anos são os eventos extremos causados pela crise do clima. E o risco de maior impacto pairando sobre a humanidade em 2020 é a falha em agir contra a crise do clima. O recado foi dado por um milhar de líderes políticos, empresariais, acadêmicos e jovens do mundo inteiro, na última edição do relatório que deu o tom do Fórum Econômico Mundial, que ocorreu em janeiro em Davos, Suíça.

Pela primeira vez desde que o Global Risk Report começou a ser publicado, em 2007, fatores ambientais dominam a lista dos principais riscos à estabilidade e à economia global. Dos cinco principais riscos mais prováveis, quatro são relacionados diretamente com a crise do clima, e um – a perda de biodiversidade – é por ela agravado. Dos cinco riscos de maior impacto potencial, apenas um (a proliferação de armas de destruição em massa) não tem relação com o clima.

Segundo o Global Risk Report, o mundo em 2020 é “intranquilo”, com a incerteza geopolítica causada pelo estranhamento entre EUA e China dando o tom das relações entre os países. Enquanto o mundo prende a respiração, os fundamentos do sistema econômico começam a naufragar e o mundo assiste a taxas baixas de crescimento, como os pífios 3% esperados para 2019 pelo FMI.

“A mudança climática está atingindo o mundo de forma mais dura e mais depressa do que se previa”, afirma o relatório. “As consequências no curto prazo perfazem uma emergência planetária. As implicações são catastróficas, amplas e intercruzadas. Pior ainda, a complexidade do sistema climático implica em que alguns impactos ainda sejam desconhecidos.”

 

Fonte: http://www.observatoriodoclima.eco.br/falha-em-agir-no-clima-e-maior-risco-para-humanidade-diz-davos/ The most immediate risk hanging over humanity in the next ten years is the extreme events caused by the climate crisis. And the risk of greater impact hanging over humanity in 2020 is the failure to act against the climate crisis. The message was given by a thousand political, business, academic and youth leaders from around the world, in the latest edition of the report that set the tone for the World Economic Forum, which took place in January in Davos, Switzerland.

For the first time since the Global Risk Report began to be published in 2007, environmental factors dominate the list of major risks to stability and the global economy. Of the top five most likely risks, four are directly related to the climate crisis, and one – the loss of biodiversity – is exacerbated by it. Of the five risks with the greatest potential impact, only one (the proliferation of weapons of mass destruction) is unrelated to the climate.

According to the Global Risk Report, the world in 2020 is “uneasy”, with the geopolitical uncertainty caused by the estrangement between the USA and China setting the tone for relations between countries. As the world holds its breath, the fundamentals of the economic system are beginning to sink and the world is witnessing low growth rates, like the meager 3% expected by the IMF in 2019.

“Climate change is hitting the world harder and faster than expected,” says the report. “The short-term consequences make up a planetary emergency. The implications are catastrophic, wide-ranging and cross-cutting. Worse still, the complexity of the climate system means that some impacts are still unknown. ”

 

Source: http://www.observatoriodoclima.eco.br/falha-em-agir-no-clima-e-maior-risco-para-humanidade-diz-davos/

Voltar para o blog

Assine a nossa newsletter

Somos pioneiros em Gestão Climática e geração de créditos de carbono com impacto positivo.