COP 25: Ano crítico para a crise climática inicia em Madrid.

12 meses críticos de batalha contra o aumento das temperaturas se iniciam em Madrid essa semana, com representantes da ONU se reunindo para importantes conversas. A 25ª Conferência das Partes, ou COP, reunirá negociadores de quase 200 países. Antes da reunião, o secretário geral da ONU, António Guterres, alertou que o mundo está em um ponto sem volta.

A conferência ocorre em meio a péssimas notícias sobre as mudanças climáticas. A Organização Mundial de Meteorologia anunciou que as concentrações de gases de efeito estufa atingiram os maiores níveis já registrados em 2018. O Programa Ambiental da ONU mostrou que existe um grande vazio entre os planos que os governos tem atualmente para cortar as emissões e o que é realmente necessário para manter o aumento de temperatura em 1,5ºC.  Para manter essa meta, será preciso um aumento de cinco vezes nas ambições de corte de carbono dos países.

O secretário geral da ONU alertou os responsáveis antes da reunião que “o ponto sem volta não está mais tão longe”. “Simplesmente temos que parar de enrolar e tirar vantagem das vastas possibilidades oferecidas pela energia renovável e soluções baseadas na natureza,” diz Guterres.

 

Fonte: https://www.bbc.com/news/science-environment-50588128 A critical 12 months in the battle against rising temperatures begins in Madrid this week, as UN delegates gather for key talks. The 25th Conference of the Parties, or COP, will see negotiators from almost 200 countries in attendance. Ahead of the meeting the UN secretary general has warned that the world is at the point of no return.

 

The conference takes place amid a welter of bad news on climate change in recent days. The World Meteorological Organisation announced that greenhouse gas concentrations reached their highest recorded level in 2018. The UN Environment Programme showed that there’s a huge gap between the plans that governments currently have on the table to cut emissions and what’s needed to keep under 1.5ºC. Keeping to that guardrail will need a five-fold increase in the carbon cutting ambitions of countries.

 

The UN Secretary General warned delegates ahead of the meeting “the point of no return was no longer over the horizon”. “We simply have to stop digging and drilling and take advantage of the vast possibilities offered by renewable energy and nature-based solutions,” Mr Guterres said.

 

Source: https://www.bbc.com/news/science-environment-50588128

Voltar para o blog

Assine a nossa newsletter

Somos pioneiros em Gestão Climática e geração de créditos de carbono com impacto positivo.