Adaptação a mudanças climáticas deve custar trilhões, mas pode gerar 'lucro' ainda maior

Investir o equivalente a US$ 1,8 trilhão (R$ 7,4 trilhões) na próxima década – em medidas para se adaptar às mudanças climáticas – pode produzir benefícios líquidos quatro vezes maiores, de mais de US$ 7,1 trilhões (R$ 29 trilhões).

A conclusão consta em uma análise de custo-benefício global que estabelece cinco estratégias de adaptação. O estudo foi realizado pela Comissão Global de Adaptação – um grupo de 34 líderes em política, negócios e ciência. Eles dizem que o mundo precisa urgentemente se tornar mais “resiliente às mudanças climáticas”.

A comissão, liderada pelo ex-secretário geral da ONU Ban Ki-moon, a executiva-chefe do Banco Mundial Kristalina Georgieva e o cofundador da Microsoft Bill Gates, argumenta que os países ricos têm uma obrigação moral urgente de investir em medidas de adaptação que beneficiarão o mundo.

O principal objetivo do estudo é colocar a adaptação às mudanças climáticas na agenda política em todo o mundo. E, para isso, estabelece “soluções concretas” e um plano econômico. Segundo o estudo, há cinco coisas nas quais o mundo deve investir na próxima década: sistemas de alerta (antecipar eventos como tempestades, marés altas e outras condições climáticas extremas), infraestrutura (melhores estradas, prédios e pontes para se adaptar às mudanças climáticas), aperfeiçoar a agricultura, restaurar e proteger manguezais (para reduzir os impactos de inundações costeiras), e proteger o suprimento de água.

Fonte: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-49640710 The investment of US$ 1,8 trillion over the next decade in measures to adapt to climate change can produce four times the net benefits, over US$ 7,1 trillion.

The conclusion comes from a cost-benefit analysis that sets out five adaptation strategies. The study was conducted by the Global Adaptation Commission – a group of 34 leaders in politics, business and science. They say the world urgently needs to become more “resilient to climate change”.

The commission, led by former UN Secretary-General Ban Ki-moon, World Bank chief executive Kristalina Georgieva and Microsoft co-founder Bill Gates, argues that rich countries have an urgent moral obligation to invest in adaptation measures that will benefit the world.

The study’s main goal is to put the climate crisis in every political agenda all over the world. And, to do this, establishes “concrete solutions” and an economic plan. According to the research, there are five topics that every country must invest over the next decade: warning systems (to predict events such as storms, high tides and other extreme climate conditions), infrastructure (better roads, buildings and bridges to adapt to climate change), better farming techniques, restore mangroves (to reduce coastal flooding) and protect water supply.

Fonte: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-49640710

Voltar para o blog

Assine a nossa newsletter

Somos pioneiros em Gestão Climática e geração de créditos de carbono com impacto positivo.