2019 foi o ano mais quente da Austrália já registrado – 1,5 ° C acima da temperatura média

O ano de 2019 foi o mais quente já registrado para a Austrália, com a temperatura atingindo 1,52 ° C acima da média de longo prazo, confirmam dados do Escritório de Meteorologia (Bureau of Meteorology).

O ano em que houve seca devastadora, ondas de calor, registros de temperatura e incêndios devastadores foi 0,19 ° C mais quente que 2013, o recordista anterior.

Os dados do Bureau of Meteorology mostram que a temperatura média em todo o país ficou 1,52 ° C acima da média de longo prazo entre 1961 e 1990. O segundo ano mais quente foi 2013, seguido por 2005, 2018 e 2017.

Os dados, a partir dos dados de longo prazo ACORN-SAT da agência, serão usados ​​como parte da declaração climática anual da agência que deve ser divulgada em 9 de janeiro.

O professor Mark Howden, diretor do Instituto de Mudanças Climáticas da ANU, disse que os contínuos níveis crescentes de gases de efeito estufa na atmosfera, causados ​​principalmente pela queima de combustíveis fósseis, foram os principais responsáveis pelo calor.

Ele disse: “É muito claro que as emissões de gases de efeito estufa estão alterando o balanço de radiação da Terra. Outros colaboradores são menores em comparação. ”

 

Fonte: https://www.theguardian.com/australia-news/2020/jan/02/2019-australia-hottest-year-record-temperature-15c-above-average-temperature The year 2019 was the hottest on record for Australia with the temperature reaching 1.52C above the long-term average, data from the Bureau of Meteorology confirms.

The year that delivered crippling drought, heatwaves, temperature records and devastating bushfires was 0.19C hotter than 2013, the previous record holder.

The Bureau of Meteorology data shows the average temperature across the country was 1.52C above the long-term average taken between 1961 and 1990. The second hottest year was 2013, followed by 2005, 2018 and 2017.

The data, from the bureau’s long-term ACORN-SAT data, will be used as part of the bureau’s annual climate statement due for release on 9 January.

Prof Mark Howden, the director of the ANU Climate Change Institute, said the continued rising levels of greenhouse gases in the atmosphere, caused mainly by burning fossil fuels, was the underlying driver of the heat.

He said: “It’s very clear that greenhouse gas emissions are changing the radiation balance of the Earth. Other contributors are minor in comparison.”

Source: https://www.theguardian.com/australia-news/2020/jan/02/2019-australia-hottest-year-record-temperature-15c-above-average-temperature

Voltar para o blog

Assine a nossa newsletter

Somos pioneiros em Gestão Climática e geração de créditos de carbono com impacto positivo.